segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Aproveitando as dádivas da natureza

 

006

 

Caminhar de volta à natureza não é algo muito fácil, temos que buscar tudo o que deixamos para trás quando iniciamos nossa jornada rumo à “modernidade”. As gerações mais novas já nasceram em plena era moderna e  nem chegaram a conhecer a delícia de colher fruta no pé e saboreá-la ali mesmo.  Até alguns anos atrás as árvores tinham época certa para frutificar, ficávamos então ansiosos à espera do tempo de determinada fruta. Agora, vai-se ao supermercado e encontra-se todo e qualquer tipo de fruta,  em qualquer época do ano. É bem verdade  que não possuem o mesmo sabor pungente, mas para quem nunca conheceu outras, está muito bem.  Só sentimos falta do que conhecemos um dia, e é esse o fator que impulsiona nossa vontade de resgatar a cultura orgânica. Não é apenas uma questão de alimentos, mas de qualidade de vida total, ..” com tempo para colher e tempo para deixar de colher”

Tenho me esforçado para viver assim, aproveitando as dádivas conforme me são enviadas. Então quando tenho muitas bananas, faço doce, pão, bolo, torta  e especialmente sorvete que adoro, tem uma receita da Cinara   que é excepcional.Com as mangas, a mesma coisa, e agora chegou o tempo de acerola. Tenho 2 pés, que frutificam de 3 a 4 vezes por ano, mas em grande quantidade. Aprendi que devemos deixar sempre 25% do frutos para os pássaros, então fiz um acordo de deixar os mais difíceis de pegar para eles.

Quando vou fazer suco, tenho por hábito ir colhendo aos poucos, lavando, processando, embalando e guardando, para evitar que amassem se a quantidade for grande e preservem melhor o frescor sendo congelados imediatamente. Acreditem, isso dá trabalho e toma muito tempo. Sábado passei o dia inteiro nessa tarefa, quando pensava que tinham acabado as acerolas, ainda tinha mais. Ainda bem que só um pé frutificou, o outro ainda está florescendo. Tinha decidido fazer um sorvete, mas estava tão cansada que fiz mesmo aquele modelinho básico da Nestlé.

  • 1 lata de leite condensado
  • 1 lata de suco super concentrado de acerola
  • 1 lata de creme de leite
  • 1 colher de suco de limão

Coloquei os ingredientes numa tigela de vidro, misturei tudo com um fouet, até ficar bem homogêneo, cobri com filme plástico e deixei na geladeira até o dia seguinte. Coloquei na sorveteira e bati por 30’. Levei ao freezer e ficou delicioso. Quando estava batendo acrescentei uma colher de vodka porque gosto do sorvete mais macio, mas é só uma questão de gosto totalmente opcional. Enfeitei as taças com hortelã fresco e não resisto e vou mostrar meu canteiro de hortelãs.

Nota: Meu suco de acerola é muito concentrado, coloco água só o suficiente para bater as frutas, fica bem espesso.

É muito refrescante e tenho certeza que vai fazer sucesso no verão.

Patchwork da Mommy



...um lugar para se falar de patchwork, quilt, receitas culinárias,gatos, plantas e o que mais vier...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...