terça-feira, 29 de novembro de 2011

Se está cansado de bolinho de chuva, experimente a broa do genro…

 

Senhoras e senhores, tenho o imenso prazer de apresentar a “ Broa do genro “, o nome foi dado por ele mesmo. Segundo ele é a melhor do Brasil, como não viajei o País inteiro provando broas, vou acreditar nele.   Porém , mesmo sendo genro, a receita dele teve que passar pelos mesmos testes probatórios por que passam todas as outras antes de serem publicadas aqui. É um compromisso de respeito que tenho com meus visitantes e leitores – só publico receitas que testei antes e aprovei, seja pela simplicidade, praticidade, ingredientes de qualidade e principalmente pelo sabor.

A receita do genro passou por essas etapas e foi aprovada. É uma broa fácil de fazer, a massa não dá trabalho para atingir o ponto certo, o que em broas,  é fundamental, é fácil de modelar, tem bom crescimento e o que é melhor é muito saborosa. Como qualquer broa que se preze pede um café de qualidade para acompanhar. Eu prefiro um arábica, mas vai do gosto de cada um.

A massa pode ser congelada, já modelada, para assar depois. Assim quando chegar uma visita inesperada, ligue o forno, coloque a broa e faça o café. À receita original dele acrescentei 1 colher de erva-doce, já que tem muito sangue português correndo em minhas veias e não consigo ficar sem especiarias. Quem não gosta de erva-doce faz a receita original. Ele modela usando uma manga de confeiteiro, mas eu não iria jamais passar por tal trabalheira, segui então meu método antiguinho mesmo de modelar broas, que consiste em colocar um pouco de fubá mimoso em uma chávena, depois uma colher, de sobremesa, de massa, mais um pouco de fubá e sacudir delicadamente. Aí é só colocar no tabuleiro untado e enfarinhado.

Essa receita deve ser feita com fubá de moinho , caso contrário , segundo ele, não dá ponto. Como só uso tanto fubá de milho como de arroz, artesanais, não testei com outro.Fiz só meia receita e rendeu bastante.

Ingredientes 

Fubá de canjica             220g

Farinha de trigo             220g

Óleo de milho                400ml

Água                             800ml

Açucar cristal                300g

Sal           1 colher, das de chá

Ovos grandes        10 unidades

Misturar  o fubá, a farinha de trigo, o sal e o açucar em uma tigela. Levar ao fogo a água e o óleo, quando estiverem quentes, tire da chama, acrescente a mistura de fubá, mexa bem e leve novamente ao fogo moderado, mexendo sempre até aparecer  uma crosta nofundo da panela. Retire para uma bacia para esfriar mais depressa.Quando a temperatura estiver suportável vá acrescentando os ovos, 6  de uma vez e depois 1 a 1, até dar o ponto, que é de uma massa mole e pegajosa, porém lisa .Deixe descansar cerca de 15’ antes de modelar, fica mais fácil.

O forno deverá estar preaquecido a 180°. Resista à tentação e não abra durante os primeiros 15’. Quando estiverem bem douradas, tire do forno e coloque o tabuleiro sobre uma grade para esfriar um pouco, depois retire as broinhas com uma espátula e coloque diretamente nas  grades de biscoito para esfriar.

Quase esqueci, o nome do genro é Omar.

Patchwork da Mommy



...um lugar para se falar de patchwork, quilt, receitas culinárias,gatos, plantas e o que mais vier...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...