sábado, 24 de dezembro de 2011

Torta de sorvete

 

 

Sei que todo mundo já sonhou um dia com um natal com neve. Faz parte do cenário que nos foi imposto desde pequenos o natal europeu.  É muito lindo de se ver, mormente se estivermos longe, só admirando a paisagem branca. Na realidade um inverno rigoroso não tem muitos encantos,  ao contrário traz vários contratempos, mas a cada um sua sina. Felizmente vivemos em um país  onde podemos comemorar o natal da maneira que quisermos, bem colorido, com muitas frutas tropicais, amadurecidas no auge do calor e por isso mesmo com mais cor, aroma e sabor. Não precisamos de pratos pesados e ricos em gordura  que nos forneça energia para manter o calor do corpo. Ao contrário, precisamos é nos refrescar com uma ceia mais leve, de carnes brancas, saladas, frutas e sobremesas leves.

Leves até certo ponto, porque parece que o chocolate é uma preferência que não se pode ignorar, tanto entre as crianças como entre os adultos.  Eu confesso, sou uma chocólatra de carteirinha e temo ter transmitido estes genes à minha descendência. Tenho uma vantagem, gosto de chocolate puro, amargo, rico em cacau. Mas numa festividade em que a família toda se reúne é preciso agradar a todos e aí está, uma torta que reúne a delícia do chocolate à refrescância do sorvete. Como amo o casamento de bolo e sorvete, uni os dois. Primeiro  fiz um brigadeiro mole e acrescentei ao tirar do fogo, 1 lata de creme de leite e deixei esfriar. A seguir bati a massa de  um pão-de-ló básico e assei em forma de rocambole, bem untada e forrada com papel manteiga também untado. Desenformei o pão-de-ló imediatamente após tirar do forno sobre uma folha de papel alumínio untada, retirei o papel manteiga e passei uma leve camada de geléia de manga, para quebrar um pouco a doçura do brigadeiro. Espalhei então o brigadeiro já completamente frio e enrolei o rocambole com auxílio do papel alumínio .

Achatei um pouco o bolo para dar uma forma mais triangular , fechei bem as pontas do papel e levei ao freezer. Retirei os sorvetes da geledeira e deixei em temperatura ambiente para facilitar a montagem.

Utilizei para a montagem um prato de vidro de formato oval para evitar quinas. Cortei o rocambole em fatias de cerca de 2cm e fui arrumando nas laterais, como o formato era triangular, fui invertendo a posição para que se encaixassem perfeitamente. Completa a volta , forrei o fundo do prato com as fatias restantes. Por cima espalhei a primeira camada de sorvete, minha intenção inicial era usar de creme, mas quando fui comprar não encontrei, então substituí por crocmel, o que afinal adicionou textura com o crocante. Por cima espalhei o delicioso sonho de bombom. Cobri com foilme plástico e levei ao freezer. Depois de congelado cobri com uma fina camada de marshmallow, fiz riscas com calda de chocolate e arrematei com o restante do marshmallow usando oum bico de pitanga. Enfeitei com algumas cerejas em calda e raspas bem fininhas de chocolate amargo.

Se fosse só para adultos, certamente flambaria com conhaque aquecido no momento de servir, o que dá um visual do bolo Alaska.

Um muito feliz natal a todos vocês meus queridos amigos. E não se esqueçam do aniversariante.cartão

Patchwork da Mommy



...um lugar para se falar de patchwork, quilt, receitas culinárias,gatos, plantas e o que mais vier...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...