sábado, 21 de abril de 2012

Um quilt de massas e recheios

 

Todo mundo já sabe que não gosto de desperdícios, então procuro fazer tudo pesando os ingredientes para que não haja sobras ao final do preparo. Acontece que nem sempre sai tudo como o planejado.  Foi o que aconteceu há uns dias atrás. Primeiro alguém me telefona pedindo  para fazer uma torta de bacalhau (uma das filhas). Meia hora depois a outra já telefona choramingando …”mãe você sabe que não como bacalhau”. Não tem importância filhota, prá você já ia fazer torta de legumes. Como era uma semana atarefada, resolvi fazer as tortas ao mesmo tempo, e também pão e biscoito de queijo e colocar tudo no freezer. 

A massa da torta de bacalhau fiz na fórmula 3, 2, 1. Já a de legumes a fiz uma massa menos amanteigada. Não é interessante fazer a mesma massa e só mudar os recheios, dá a quem vai degustar a impressão que foi tudo comprado na padaria da esquina. Devo ter errado nas medidas devido a tantas coisas ao mesmo tempo e quando fui cobrir a torta de bacalhau , a massa não foi suficiente. Peguei o processador e fiz mais um pouco, aí sobrou. Embrulhei em filme plástico e coloquei no freezer. Da torta de legumes também sobrou um pouco de massa, o tempo estava curto e não coloquei enfeite de gradinha. Embrulhei o restante e guardei no freezer. Não gosto de tortas com pouco recheio, coloco o máximo que cabe na forma, então faço a mais e o que sobra aproveito em uma salada , fritada, omelete etc. Dessa vez não dava tempo, então congelei também os recheios que sobraram.

Semana passada,  encontrei os pacotinhos no freezer e nem me lembrava mais o que era, ainda bem que não esqueci de rotular. A quantidade de cada um não era suficiente por si só , então pensei, vou juntar tudo como se fosse um quilt e completo o que faltar com outra coisa. Forrei o fundo e os lados de uma forma de abrir com uma das massas. Coloquei os recheios em camadas alternadas e completei com algumas azeitonas pretas, queijo parmesão refilado,  ervilhas congeladas e brócolis . Cobri com a outra massa, pincelei com ovo batido e salpiquei gergelim com casca. Cruzei os dedos e esperei para ver no que ia dar.

Ficou ótima, os recheios se mesclaram, mas o bacalhau sobressaiu e teve gente que provou e pensou que era só de bacalhau. A parte inferior da torta ficou mais crocante porque a massa era mais amanteigada e a de cima mais macia e suave. Mas formou uma boa combinação e aproveitamento nota 10.

Nota: Nenhuma das pessoas que comeu soube que era um aproveitamento. Prefiro não dizer porque tem gente que não gosta de sobras.

Patchwork da Mommy



...um lugar para se falar de patchwork, quilt, receitas culinárias,gatos, plantas e o que mais vier...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...