quinta-feira, 26 de julho de 2012

A delícia de ser avó

 

Mariana e Gabriel

Netos são a coisa mais fantástica do mundo. Sempre tive comigo que a natureza é extremamente sábia, nos dá filhos quando somos jovens e temos força para educá-los e guiá-los.  Quando eles crescem, porém, o amor imenso que temos não acabou e é aí que vem o melhor, os netos.  Aquela fase mais difícil , quando estamos lutando para vencer na vida, sem termos experiência e nem paciência , já passou.  Amadurecemos, trilhar a estrada do destino nos calejou e ensinou que não é preciso pressa para viver. E chegam os netos…Às vezes pouco a pouco, como no meu caso, sete anos com uma única neta, a mais linda, mais inteligente, mais bem vestida, mais paparicada, mais cute cute. De repente em um só ano chegam 3. Pronto, acabou o sossego e começou o ciúme. Concursos para saber quem é o preferido, quem ganha mais presentes, quem é mais lembrado etc.1342681839457_scrapeenet

Não é nada disso, a cada um que chega o amor é renovado e não há limites para o amor de avós. Os netos precisam dos avós, mas os avós necessitam ainda mais dos netos. Eles são a extensão da vida, da esperança, da felicidade, daquela gostosa sensação de que se é útil, quase imprescindível.

Os netos prolongam a vida dos avós, não apenas cronologicamente, mas principalmente a vida emocional. Dão-lhe  razão para continuar lutando se por algum motivo  estiverem desesperançados. Ou para ficarem cada vez mais modernos e cheios de energia, se já estão aposentados e sobra tempo para inventar novidades.Avós  são para lazer, para doces momentos, então como não amar os avós?

E netos… netos são para quando a gente está descansado, precisando gastar toda a vitalidade armazenada e fazem a gente se sentir renovados . Não há como não amar os netos!

Nessa estória de avós uma única coisa me incomoda, por que sempre representam os avós com figuras de pessoas bem idosas? Por acaso as pessoas mais jovens não transmitem com sua imagem o amor de avós. Os bem idosos são tataravós e devem também ocupar seu espaço, mas o mundo se modernizou e como disse minha neta Mariana, sou uma avó modernaça.

Representando todos os netos, Mariana, a mais velha e Gabriel, o caçula. O João Victor está aí de intrometido, como todo ruivo sardento.

Beijos a todos os avós e netos. Aproveitem essa fase maravilhosa da vida.

Sou uma avó duplamente abençoada já que fui batizada com o nome da padroeira das avós, ANA, a  avó de Jesus.

Patchwork da Mommy



...um lugar para se falar de patchwork, quilt, receitas culinárias,gatos, plantas e o que mais vier...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...