sábado, 6 de abril de 2013

Especiarias

images (1)

Temperos e especiarias são uma paixão para mim. Especiarias fazem-me lembrar as aulas de história do Brasil quando era criança e fantasiava me vendo naquelas viagens em busca de preciosidades como cravo, canela, anis, pimenta-do-reino, noz-moscada e outras. Como deveria ser maravilhoso chegar ao porto, depois de longa viagem, com os porões dos navios abarrotados dos mais diversos aromas.

Além dos aromas ainda penso que as cores  e formas inebriavam os marinheiros, o amarelo do açafrão e forma tão peculiar do anis-estrelado e o sabor tão marcante do cardamomo.

Naquela época distante sem geladeira ou outros meios de conservação principalmente das carnes e caças, as especiarias eram utilizadas para disfarçar o mau cheiro que elas exalavam denunciando que já haviam perdido a “validade” , coisa que aquele abençoado povo nunca soube o que era.

Mas data de um tempo ainda mais remoto a menção do uso das especiarias,  na Bíblia, no  livro do Gênesis, José é vendido por seus irmãos a mercadores de especiarias. Também a rainha de Sabá presenteia com especiarias o rei Salomão.

Depreende-se daí que as especiarias eram consideradas como moeda de troca e de grande valor agregado.

images

Trazidas pelos nossos colonizadores as especiarias aqui criaram raízes e fazem parte de receitas tradicionais. A gastronomia tem muito a agradecer às especiarias, sem elas e seus aromas e sabores as preparações culinárias não teriam o mesmo brilho.

Há uma infinidade de especiarias e nem todos são unânimes em sua escolha. Cada um tem seu gosto particular. Eu não vivo sem canela, cravo, anis estrelado, cardamomo, cúrcuma, noz moscada, pimenta da jamaica e outras que certamente gosto menos porque me fogem à memória.

Considero alguns fatores importantes no uso das especiarias e observá-los faz toda a diferença, pelo menos em minha opinião

Primeiramente, prefiro comprá-las à granel e em lojas de confiança e grande movimento, imagino assim que estarão mais novas e melhor conservadas. Compro sempre a quantidade mínima que vendem, em geral 50 gramas.

Logo que chego em casa transfiro para vidros com tampas que fechem bem. Geralmente uso aqueles de Nescafé, bem lavados e esterilizados. Guardo em um armário que mandei fazer só para temperos e que está sempre fechado para evitar a luz, que degrada o aroma e o sabor de qualquer tempero.

Por último é de suma importância parcimônia no uso das especiarias. Se não estiver acostumada a usá-las é conveniente começar com um pouquinho, provar e acrescentar mais se necessário, até que fique agradável ao paladar.

Quem não possui o hábito de utilizar especiarias deve experimentar, elas conseguem tornar qualquer preparado bom em excepcional.

Todas as imagens foram retiradas da internet.download

Patchwork da Mommy



...um lugar para se falar de patchwork, quilt, receitas culinárias,gatos, plantas e o que mais vier...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...