terça-feira, 9 de julho de 2013

Risoto de arroz negro

 

Resolvi escrever este post quando em uma reunião me torceram o nariz quando disse que havia preparado um risoto de arroz negro e que tinha ficado delicioso.

Tem gente que nem prova um alimento e já vai logo dizendo que não gosta só porque não o conhece. Outros se servem de um prato que não foi preparado como deveria ter sido e não o apreciam. Termina aí a experiência, não percebem que preparado de outra maneira possa ser muito saboroso.

Já ouvi muitas pessoas dizerem que não gostam de arroz negro, que é feio, não cozinha direito e pior, é caro. Eu sou daquelas pessoas que adora novidades e por nada no mundo perco a oportunidade de experimentar seja lá o que for.  Custa-me aceitar quando alguém me diz que não gosta de algo, sem querer insisto para que prove novamente  e observe sobre outro aspecto, se dispa de prevenções, utilize um bom acompanhamento e se depois de tudo isso não gostar mesmo, prossiga em frente, é questão de afinidade alimentar.

Com o arroz negro, integral ou o selvagem, creio que o erro maior ocorre na hora de cozê-lo. Como estão em estado mais natural e portanto com todos os seus nutrientes, demoram mais a cozinhar, mas justamente por conter mais vitaminas deveriam ser mais consumidos. Não existe alimento ruim e sim mal preparada, mal temperada. .

Essa é uma receita bem simples e muito saborosa, basta ter um pouco de paciência porque realmente demora um pouco para ficar pronto. Faço o caldo de legumes com antecedência e enquanto o arroz cozinha, aproveito para preparar o bacalhau que acompanha o prato.

Para conservar a beleza do contraste das cores, o arroz e o bacalhau devem ser preparados separados. Para o arroz uso cebola roxa e para o bacalhau cebola branca.  Gosto de usar queijo parmesão, mas cada um deve utilizar o que mais gosta,  como por exemplo um Minas meia cura.

Ingredientes

300g de arroz negro

1 cebola roxa bem picada

3 colheres de manteiga

50 ml de vinho tinto

50 g de queijo cottage

50 g de queijo parmesão filetado no ralo grosso

1500 ml de caldo de legumes

Colocar em uma panela de fundo grosso 2 colheres de manteiga e refogar a cebola, acrescentar o arroz e deixar que fique envolvido pela manteiga, mexendo sempre. Acrescentar o  vinho e esperar evaporar. Começar então a juntar o caldo de legumes aos poucos, mexendo a cada adição. Conserve o fogo baixo. Vai demorar cerca de 1 hora para o arroz estar cozido. Ainda estará com líquido, desligue acrescente a manteiga restante e os queijos, mexa e deixe descansar por cerca de 10 minutos.

Para servir, coloque a porção no prato e por cima o bacalhau, polvilhe com cebolinha picada.

Ingredientes do bacalhau

500 g de bacalhau demolhado

3 colheres de azeite extra virgem

3 dentes de alho finamente fatiados

1 cebola branca picada

2 tomates sem pele e sementes, picados

Coentro, salsa e cebolinha à gosto.

100 ml de creme de leite

Refogue a cebola e o alho no azeite e acrescente o bacalhau em lascas grandes. Acrescente os tomates e deixe que o bacalhau fique envolvido pelos temperos. Acrescente pimenta e os temperos verdes. Prove, tire do fogo e espere o arroz ficar pronto. Na hora de servir, junte o creme de leite e mexa levemente.

risoto de arroz negro 011

Patchwork da Mommy



...um lugar para se falar de patchwork, quilt, receitas culinárias,gatos, plantas e o que mais vier...

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...